Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, confessou que “faltou algum discernimento no último terço, na hora de decidir, cruzar, fechar e definir o último passe”.

“Tentámos de todas as formas. Tivemos situações de cruzamento dentro da pequena área que devíamos decidir de outra forma. Houve situações mais do que suficientes. A melhor equipa foi o FC Porto, teve mais posse de bola, mais situações. O melhor elemento do jogo foi o guarda-redes do Belenenses. Tivemos sempre dois avançados. Tirei o lateral e meti um ala a lateral. Meti alguma frescura no meio campo, o Sérgio [Oliveira], com a qualidade de passe que tem, podia ser importante. Tenho de perceber o que o jogo me vai dar. O Belenenses não chegou nenhuma vez à nossa baliza na segunda parte”, disse o técnico portista, ontem, em conferência de imprensa, lembrando que ainda “há 63 pontos em disputa”.

“Temos obrigação de ganhar todos os jogos até final. Se ganharmos todos os jogos, vamos ser campeões. Estou completamente convicto de que vamos ser campeões”.

Veja o vídeo

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.