O Sporting visita este sábado o reduto do Santa Clara, nos Açores, em jogo a contar para a 5ª jornada do campeonato nacional de futebol. Esta tarde, Rúben Amorim fez a antevisão ao encontro, falou sobre o mercado de transferências e sobre o regresso dos adeptos.

Ainda o clássico: "Na altura, falámos que nos sentimos prejudicados, mas já passou. Agora só pensamos no Santa Clara, transmiti isso aos jogadores. O resto é passado e faz parte do jogo. Se não estivermos no máximo das nossas forças e empenho, não vamos fazer um bom resultado."

Adeptos, suspensão e Nuno Mendes: "Espero que não se continue muito tempo sem adeptos. Vamos ter adeptos agora também, por isso eu espero que eles voltem ao lugar deles que é a bancada. Pensei que a equipa precisava do meu apoio, deu para ouvir. Estarei a apoiar. Em relação ao Nuno Mendes foi uma surpresa muito grande. Pensei que ele ia demorar mais tempo, mas eu estava errado. É muito forte fisicamente, nota-se algum cansaço quando joga os jogos todos e depois vai à seleção. Mas não tenho dúvidas nenhumas dele e acho que vai ser titular na nossa seleção durante muitos anos."

Santa Clara: "Temos que entrar como entrámos nos últimos jogos. Temos de ser consistentes, é uma equipa que tem os mesmos pontos do Sporting. Tem jogadores muito rápidos. Tem um guarda-redes que é dos melhores a jogar com os pés e isso ajuda muito as equipas. Temos de chegar com alguma arrogância positiva, temos de impor no nosso jogo como qualquer equipa grande. Não depende de inspiração. No fim, vamos esperar ter um bom resultado."

Fora da Europa: "A competição ajuda a crescer, mas, em termos de trabalho, ajuda não jogar de três em três dias. É uma vantagem no trabalho tático. Fisicamente, os jogadores estão preparados para jogar nesse intervalo, mas como não vai acontecer vamos aproveitar para trabalhar de outra maneira."

Mercado: "Há mercados ainda abertos. Em relação aos excedentários também já falei. O foco é no Santa Clara. O Tabata não vai a jogo, o Plata está convocado e o Quaresma continua de baixa, não pode jogar."

Vietto (e o substituto): "O que posso confirmar é que não está na convocatória. Até ser oficial, é jogador do Sporting. Todos os jogadores são importantes, mas por vezes levantam-se outros valores e o que tiver de ser, será. Ele ainda é jogador do Sporting. Todos os jogadores em todos os escalões são alvo de observação. Não é fácil substituir o Vietto. A porta da equipa A está aberta para todos os jogadores, mas todos têm de crescer ao nível da equipa principal. O requisito para chegar aqui é a qualidade e o empenho e não a saída de outro jogador."

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.