Rafa Silva foi um dos 'motores' da reconquista do título de campeão do Benfica, ao terminar com 17 golos na I Liga. O extremo português entrou a 'todo o gás' no campeonato, mas uma lesão frente ao AEK de Atenas na fase de grupos da Liga dos Campeões afastou-o de vários jogos.

Titular no primeiro jogo do campeonato frente ao Vitória de Guimarães, Rafa Silva foi um dos jogadores que se destacou na equipa comandada por Rui Vitória no início de temporada nas várias competições.

Quando se lesionou frente ao AEK de Atenas na última jornada do grupo E da Liga dos Campeões, Rafa Silva era o melhor marcador do Benfica com oito golos, cinco no campeonato, dois na Taça de Portugal e um na Taça da Liga.

Afastado dos relvados devido a uma rotura muscular na coxa esquerda em dezembro, Rafa Silva falhou as deslocações a Marítimo, Montalegre (Taça de Portugal), Portimonense, Santa Clara e Vitória de Guimarães (Taça de Portugal), e as receções a SC Braga e Rio Ave.

Com Bruno Lage no comando técnico do Benfica, o extremo português regressou aos relvados na 18ª jornada no triunfo sobre o Vitória de Guimarães por 1-0. Rafa Silva entrou aos 61 minutos quando o encontro ainda estava empatado 0-0.

Depois de recuperar a sua forma física, Rafa Silva regressou à titularidade na equipa do Benfica na receção ao Boavista e não voltou a sair do onze inicial de Bruno Lage em jogos para o campeonato  até à reconquista do título.

No seu regresso à condição de titular no Benfica, o extremo português de 25 anos recuperou o tempo perdido e apresentou-se ao mais alto nível com vários golos decisivos para a conquista do campeonato nacional, destacando-se o golo do triunfo no Estádio do Dragão, e os dois golos frente ao Portimonense que permitiu aos 'encarnados' uma reviravolta épica no Estádio da Luz.

Rafa Silva termina a Liga com 17 golos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.