Paços de Ferreira e Gil Vicente empataram sem golos no Estádio Capital do Móvel. Ambas as equipas somaram o quarto jogo seguido sem perder.

A turma da casa foi a primeira a criar perigo, mas o guarda-redes forasteiro, Dênis, impediu que os 'castores' ganhassem vantagem ainda bem cedo no jogo. Com Douglas Tanque em destaque, o Paços continuou a criar perigo, mas pecava na finalização e, aos poucos, o Gil Vicente começpu a ameaçar e também ficou perto de marcar, por Kraev.

Depois foi Sandro Lima a ficar muito perto de dar vantagem aos gilistas, já perto do intervalo, mas os primeiros 45 minutos terminaram mesmo sem golos.

O segundo tempo começou de novo com o Gil mais perigo e só uma boa mancha de Ricardo, na baliza do Paços, impediu Naidji de fazer o 1-0. O Paços sentiu o toque, reagiu, e quase marcou. À passagem da hora de jogo, na sequência de um pontapé de canto cobrado por Pedrinho, Henrique Gomes desviou a bola e quase a colocou no fundo da própria baliza, mas esta foi devolvida pelo ferro.

Aos 71 minutos a bola viria a voltar a embater nos ferros da baliza do Gil Vicente, desta feita num remate de Tanque, e Marco Baixinho, já nos dez minutos finais, viu o guarda-redes Dênis segurar o nulo, que acabou mesmo por subsistir até ao fim.

Com este resultado, o Paços de Ferreira sobe ao 15º lugar, ultrapassando o Belenenses, enquanto o Gil Vicente sobe a 9º. da classificação.

Veja a partida do encontro

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.