A última época terminou com alguma polémica em torno de Alex Grimaldo, que teria recusado integrar a convocatória para o jogo da última jornada da I Liga, em Paços de Ferreira, motivando a abertura de um processo disciplinar por parte do Benfica.

Em entrevista ao jornal A Bola, o lateral espanhol opta por não contar o que se passou exatamente, mas garante que nunca se recusou a jogar pelo Benfica.

"Sobre esse assunto vou dizer apenas que não me recusei a jogar. Nunca faria isso ao Benfica, levo sete anos aqui e acho que toda a gente me conhece. Sempre dei tudo pelo clube. Estive nos bons e nos maus momentos, dei a cara pela equipa porque sou benfiquista e sinto o clube. De resto, o que aconteceu está totalmente resolvido", assegura.

"Claro que falei com o presidente e com os diretores. Tínhamos de encontrar uma solução e assim aconteceu. É algo que vai ficar internamente, porque não deve passar daí, e o importante é que as pessoas saibam que está tudo resolvido, que em nenhum momento me neguei a jogar pelo clube e que, como já disse, nunca o vou fazer, porque amo o Benfica", acrescenta Grimaldo.

Já no último ano de contrato com o Benfica, o lateral esquerdo admite que a renovação "é uma possibilidade", mas deixa o futuro em aberto.

"Claro que a renovação é uma possibilidade. Levo sete anos no Benfica, estou muito bem, entusiasmado com o projeto do novo treinador, estou satisfeito com o clube e muito feliz aqui. Sou mais um benfiquista, por isso essa possibilidade está sempre em cima da mesa. Se vai acontecer ou não? Não se sabe", conclui.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.