Julian Draxler deixou o PSG no verão, onde vinha a perder protagonismo, e acabou por iniciar um novo capítulo no Benfica. Uma mudança que o internacional alemão, que foi pai recentemente, explicou aos seus seguidores.

"As coisas não estavam bem, ficas insatisfeito e sentes que tens de fazer alguma coisa. Mas não é assim tão simples. Porque a minha namorada estava grávida, a vida toda fui criado para ser jogador. Na minha opinião, tomar estas decisões nunca é fácil. Há simplesmente um número incrível de fatores privados e profissionais que te afetam e que tens de considerar", começou por dizer.

"A mudança foi, em última análise, uma decisão difícil, mas sensata. Isto agora significa conhecer um novo clube, novos colegas, uma nova língua, um novo país, uma nova cultura. Enfim, um ambiente completamente novo para mim e para a minha família. Mas o grande fator é que todos no clube e no novo ambiente me receberam de uma forma fantástica e deram-me uma sensação muito boa. Por isso, já sou muito grato às pessoas daqui. Isto torna tudo mais fácil e é muito importante. Estou ansioso por tudo o que está por vir em Lisboa", vincou.

O médio-ofensivo já realizou três jogos pelo Benfica, nos quais apontou um golo.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.