O negócio entre FC Porto e Fenerbahçe para a transferência de Zé Luís sofreu um revés e está em causa. Os turcos só estão dispostos a dar seis milhões de euros pelo avançado cabo-verdiano e as exigências dos dragões têm complicado o acordo.

O FC Porto está disposto a deixar Zé Luís sair por empréstimo, mas com uma opção de compra obrigatória de oito milhões de euros, um negócio pouco apelativo para o Fenerbahçe.

O acordo esteve praticamente fechado entre os representantes de Zé Luís e o clube turco e incluía um contrato válido por três temporadas, sendo que a primeira aconteceria por cedência dos dragões. O cabo-verdiano receberia ainda dois milhões de euros por ano e um prémio de assinatura de 500 mil euros.

FC Porto quer arrecadar 60 milhões de euros até ao final do mercado
FC Porto quer arrecadar 60 milhões de euros até ao final do mercado
Ver artigo

No final da primeira época, o Fenerhabçe pagaria então seis milhões de euros ao FC Porto. O facto de os dragões pedirem agora oito milhões de euros veio dificultar o negócio e fez com que o clube turco começasse já a analisar outros jogadores.

Na última temporada, Zé Luís fez 31 jogos e apontou dez golos com a camisola do FC Porto, no entanto, o cabo-verdiano foi perdendo protagonismo entre os homens de Sérgio Conceição na reta final do campeonato nacional. Uma fonte próxima do jogador revelou que este está focado no FC Porto, mas os dragões estão dispostos a abrir mão do seu passe, por uma proposta que permita recuperar uma boa parte dos cerca de 10 milhões de euros que custou o avançado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.