Diogo Leite Ribeiro demitiu-se dos cargos de vice-presidente do Vitória de Guimarães e ainda de administrador da SAD, responsável pela equipa da I Liga portuguesa de futebol, informou hoje o ex-dirigente no seu perfil na rede social Facebook.

“Na impossibilidade de ter sido por outro meio e de o fazer pessoalmente, mas pretendendo que esta comunicação seja por mim transmitida e não por terceiros, venho dar nota de que renunciei aos cargos de administrador da Vitória Sport Clube – Futebol SAD e de vice-presidente da direção do Vitória Sport Clube, conforme comunicação entregue ao conselho de administração, à direção e à equipa de gestão”, refere a publicação.

Candidato à vice-presidência do clube minhoto em 2019, pela lista encabeçada por Daniel Rodrigues, a menos votada (16,8%) entre as três no sufrágio vencido por Miguel Pinto Lisboa, Diogo Leite Ribeiro concorreu de novo à vice-presidência nas eleições de 05 de março de 2022, mas na lista de António Miguel Cardoso, vencedora com 62,5%.

Depois de empossado como vice-presidente do clube, o dirigente foi também eleito para vice-presidente da SAD na assembleia geral de acionistas de 20 de junho, que confirmou António Miguel Cardoso como presidente da SAD.

Diogo Leite Ribeiro foi ainda presidente do Xico Andebol, clube de andebol de Guimarães, entre 2018 e 2021.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.