Arsène Wenger, treinador do Arsenal, desmentiu os rumores que davam conta de um mau relacionamento com o jogador Alexis Sánchez. No último treino da equipa, Sánchez chegou a sair mais cedo da sessão de trabalho sem prestar atenção a nenhum dos membros do staff.

"Não tive qualquer problema com o Alexis. Ele é um jogador comprometido e às vezes comete excessos. É falso, mas vocês têm de encher jornais e aceito isso", disse o treinador do Arsenal, na antevisão ao encontro com o Bayern Munique para a Liga dos Campeões.

De acordo com a imprensa inglesa, o extremo chileno quer sair no verão apesar de ainda ter um ano de contrato com os ‘gunners’. "Tem mais 15 meses de contrato e a decisão é do Arsenal. É o normal nestas situações", referiu o técnico.

Wenger revelou ainda que Mesut Ozil não está apto para o encontro com os 'bávaros', que terminou com uma goleada dos alemães (5-1) em Munique.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.