José Mourinho deixou reparos a arbitragem depois de o seu Tottenham ser goleado pelo Manchester City, de Pep Guardiola. O técnico português dos 'spurs' não gostou da grande penalidade que deu o primeiro golo ao adversário.

"Um penálti moderno colocou-nos numa situação complicada. Um penálti moderno é aquele em até um toque com a unha é penálti, apenas depende do adversário. Para alguns, qualquer toque com a unha, ou com o nariz, é penálti. Não tivemos nada a nosso favor", lamentou Mourinho.

Apesar de ser goleado, o técnico gostou da sua equipa.

"O que retiro deste jogo? Uma equipa muito cansada contra uma equipa fresca. Começámos bem o jogo, tivemos o controlo, acertámos no poste e se tivéssemos chegado ao 1-0 podíamos ter tido aquela 'gasolina' mental para combater o cansaço. Estou muito contente com os meus jogadores, muitos deles estavam em campo e há dois dias jogaram duas horas. Deram tudo, foram bravos. Um balneário que não fosse unido teria desistido e seria castigado. Não tenho nada a dizer contra os meus jogadores, nem sobre os erros que aconteceram mas que são normais", frisou.

A equipa de Pep Guardiola reforça a liderança, com 53 pontos, mais oito que o Manchester United, mais dez que o Leicester, 3.º, e mais 13 que o Liverpool, que é 4.º. O Tottenham mantém-se no 8.º posto com 36 pontos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.