Callum Hudson-Odoi está infetado com o novo coronavírus. O Chelsea informou que o avançado de 19 anos chegou "constipado" às instalações do clube na manhã de segunda-feira e, desde então, foi afastado dos trabalhos por precaução.

Na noite de quinta-feira foi submetido a um teste ao Covid-19, o qual confirmou que o jogador foi contagiado pela pandemia.

Como medida de prevenção, o Chelsea comunicou que todo o pessoal do clube que esteve em contacto direto com o jogador vai ficar em isolamento, incluindo todo o plantel principal, treinadores e staff de apoio.

Além disso, as instalações de treino dos 'blues' vão ficar parcialmente encerradas.

“Apesar dos resultados, o Callum está bem e com vontade de regressar o mais rápido possível”, adianta o clube.

Em Portugal, Itália e Espanha os campeonatos estão suspensos devido à pandemia de Covid-19, enquanto em França ainda não há decisões de suspensão e em Inglaterra também se espera uma decisão hoje da ‘Premier League’.

Na Alemanha, as decisões competem os governos regionais, com os jogos da ‘Bundesliga’ agendados entre hoje e segunda-feira, mas à porta fechada.

O novo coronavírus responsável pela Covid-19 foi detetado em dezembro, na China, e já provocou mais de 4.900 mortos em todo o mundo, levando a Organização Mundial de Saúde a declarar a doença como pandemia.

O número de infetados ultrapassou as 131 mil pessoas, com casos registados em mais de 120 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 78 casos confirmados.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.