Raymond Domenech teve uma tirada que não caiu bem junto de muitos adeptos do futebol mundial e principalmente na Argentina. Em conferência de antevisão, o técnico do Nantes foi questionado sobre a ida de Jean Lucas para o Brest, ele que era um dos nomes apontados ao seu clube.

Ora o técnico, para responder recorreu à ironia e... a Maradona.

"[Jean Lucas] Não está connosco, está no Brest. Ponto. É assim, é a realidade. Eu gostava de contratar o Maradona, mas está morto. É assim. A janela de transferências, e todos os treinadores o dizem, não me dá sossego. (...) Tenho muitas cautelas sobre ela", disse.

Na Argentina, o diário desportivo 'Olé' criticou as declarações de "mau gosto" do técnico, à semelhança da maioria dos internautas. O jornal frisou que o técnico - que esteve envolvido no polémico Mundial de 2010 em que liderou a seleção francesa - continua a dar de que falar pelo que faz fora do relvado.

"Domenech continua a fazer manchetes com o que faz fora do relvado e não pelo que as suas equipas fazem em campo", escreveram.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.