Em entrevista ao britânico 'The Guardian', Roberto Soldado passou em revista a sua passagem pelo Real Madrid.

Agora no Granada, o avançado de 34 anos, acabou por fazer auto-crítica sobre os seus primeiros anos com a camisola dos clube merengue.

"Peso menos sete quilos do que quando estava no Real Madrid. Vejo fotografias minhas e sinto-me envergonhado. Era um fedelho. Havia jogadores como Figo, Zidane, Raúl, todos super profissionais. Mas eu olhava para outros. Segui quem não devia ter seguido", disse o jogador.

Soldado que é colega dos portugueses Domingos Duarte e Rui Silva no Granada, recordou ainda alguns comportamentos de que se arrepende de ter tudo.

"Cada um deve assumir a responsabilidade pelas suas ações. (...) Eu pensava que era maior que o David Beckham. Não estava preparado mentalmente. Gostaria de ter tido a oportunidade de jogar por esse Real Madrid a 100 por cento". Sobre os excessos? "Não cuidava de mim, comia muito. Como é que podia jogar nos galáticos daquela forma? Se à uma da manhã alguém dizia para irmos tomar um copo, eu era o primeiro a preparar-me para sair. Tinha uns 17 ou 18 anos. O Real contactou os meus pais", contou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.