Não está a ser uma época fácil para o FC Barcelona. O gigante catalão já se viu afastado da Taça do Rei, encontra-se a três pontos do líder Real Madrid na Liga espanhola e, a nível de lesões, o cenário tem sido ainda mais negro.

A turma catalã confirmou terça-feira que a gravidade da lesão de Ousmane Dembélé. O avançado francês, de 22 anos, que rompeu um tendão na coxa direita, vai ficar ausente dos relvados durante seis meses, pelo que não voltará a jogar esta temporada, tendo já sido operado com sucesso na Finlândia.

Dembélé é apenas o mais recente nome a figurar no boletim clínico do Barça esta temporada. O português Nélson Semedo, por exemplo, já falhou cinco jogos por lesão; Dembelé já leva 21 jogos perdidos, o guarda-redes Ter Stegen também não fugiu a esta tendência e falhou duas partidas, Jordi Alba leva dez jogos falahdos em virtude de problemas físicos, o central Umiti também já atingiu a dezena de jogos falhados, e da lista fazem ainda parte nomes como Ansu Fati, Sergi Roberto, Lenglet, o próprio Messi, Arturo Vidal, Rakitic, o outo guarda-redes do plantel, Neto, e, claro, o avançado Luís Suárez, que nas melhores das hipóteses só deverá voltar no final da época.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.