O Celta de Vigo, treinado pelo português Carlos Carvalhal, somou hoje o quarto desaire seguido na Liga espanhola de futebol, para a 35.ª jornada, no reduto do Atlhetic Bilbau (2-1), que subiu ao sétimo posto ‘europeu’.

No Estádio San Mamés, o ganês Iñaki Williams adiantou os bascos, logo à passagem do minuto cinco, uma vantagem que durou até aos instantes iniciais do segundo tempo, face ao tento do norueguês Jorgen Larsen (50).

O avançado Alex Berenguer (54) foi o autor do golo que colocou o Bilbau na rota dos triunfos, após três derrotas e um empate, e que permitiu a ascensão ao sétimo posto ‘europeu’, com 50 pontos.

No conjunto de Vigo, 14.º, com 39 pontos, o ponta de lança internacional português Gonçalo Paciência foi lançado em campo por Carlos Carvalhal aos 77 minutos.

Se o Atlhetic ascendeu à zona europeia, o Girona acabou por ‘cair’ para o oitavo posto (48 pontos), por culpa da derrota consentida nos minutos finais frente ao Villarreal (2-1), que continua a sonhar com o acesso direto à Liga dos Campeões na próxima temporada.

Em Girona, Yeremy Pino abriu o ativo para o ‘submarino amarelo’, aos nove minutos, com a resposta anfitriã a chegar pelos ‘pés’ de David López, aos 24. Gerard Moreno entrou em campo aos 62 minutos para, aos 90+4, anotar o golo da vitória.

Assim, o Villarreal passa a somar 60 pontos, no quinto posto, ficando a dois da Real Sociedad, quarta posicionada, que hoje se desloca à Catalunha para defrontar o já campeão FC Barcelona.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.