Depois de a FIFA ter aberto uma exceção e autorizado a suspensão dos contratos dos jogadores estrangeiros na Rússia e Ucrânia até 30 de junho, o mercado de transferências foi reativado naqueles países.

Porém, pelo menos no que a jogadores do Dínamo de Kiev diz respeito, as negociações não estão fáceis. Isto porque o diretor-desportivo do clube encontra-se na linha da frente da guerra.

Anatoly Volk juntou-se à resistência e, assim, o atual campeão da Ucrânia ficou sem ninguém para gerir o departamento de futebol. E tal já estará a colocar problemas aos jogadores, como por exemplo o brasileiro Vitinho, que quer rumar a outras paragens. em espera.

Segundo o portal 'UOLEsporte', o ataante de 22 anos está no Brasil e é cobiçado por Botafogo e Athletico Paranaense, com os dois clubes determinados a contratar Vitinho até ao final de 2022. Porém, não encontram um interlocutor do outro lado com quem negociar de forma a acertarem a transferência.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.