A Juventus deu hoje um passo importante a caminho da final da Taça de Itália em futebol ao vencer a Atalanta, em Bérgamo, na primeira mão das meias-finais, graças a um golo de Gonzalo Higuaín, aos três minutos.

O internacional argentino foi decisivo pela forma como concluiu uma jogada de contra-ataque, mas a Atalanta pode queixar-se de si própria, pelo penálti que não foi capaz de concretizar, aos 25 minutos, pelo argentino Alejandro Gomez, a punir uma mão do central Benatia, e de alguma falta de sorte.

Na verdade, não se tratou de um falhanço de Gomez, mas sim de uma defesa fantástica e decisiva de Buffon, que foi ao canto esquerdo da sua baliza desviar a bola rasteira com uma palmada.

Com efeito, a equipa de Bérgamo sujeitou a Juventus a períodos de grande pressão, que chegou a ser asfixiante na parte final do jogo, mas a defesa da ‘vecchia signora’ conseguiu, a custo, segurar a vantagem mínima e dar um passo importante rumo à final.

A segunda mão disputa-se em Turim, no próximo dia 28 de fevereiro.

Na outra meia-final, AC Milan e Lazio enfrentam-se na quarta-feira, em San Siro, a partir das 19:45, em jogo da primeira mão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.