Gonçalo Guedes marcou por duas vezes na vitória por 4-2 do Valência no terreno do Terrassa, do quarto escalão espanhol de futebol, garantindo ao clube da I Liga o apuramento na Taça do Rei, após prolongamento.

O recurso aos reservistas, para esta primeira eliminatória da Taça, foi uma opção que ia saindo cara ao treinador Javi Gracia, que aos 50 minutos via o Terrassa a vencer por 2-0 (Jaume Pascoal aos nove, Alex Fernandez aos 50).

Pior ficou o panorama para o clube 'che', reduzido a 10 aos 53 minutos por expulsão de Guillem Molina, mas ainda havia tempo para lutar pela reviravolta, com recurso ao banco.

Aos 71 minutos foram lançados no jogo Carlos Soler e Gonçalo Guedes, e aos 86 Musah, autores dos golos valencianos - o espanhol faturou ao 83, de grande penalidade, e assistiu para o 2-2 do norte-americano, aos 90+1, levando o jogo para prolongamento.

Já com o Terrassa reduzido a 10 também, foi a vez de brilhar a velocidade do internacional luso, a terminar com o 'pesadelo', bisando aos 103 e 108 minutos.

Em termos de portugueses, o dia foi também de Orlando Sá, com um golo e uma assistência no triunfo por 4-0 do Málaga (II Liga) sobre o Coruxo (II B) e do treinador José Gomes, que viu o seu Almeria (II Liga) ganhar por 4-1 no terreno dos catalães do L'Hospitalet (II B).

Sem portugueses, e com uma equipa totalmente de jogadores menos utilizados, o Atlético Madrid, líder do campeonato principal, venceu por 3-0 na deslocação a Cardassar (III).

O Bétis, de William Carvalho, e o Granada, de Rui Silva e Domingos Duarte, só jogam quinta-feira.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.