O Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ) promoveu esta segunda-feira o encontro "Boas Práticas da Ética no Desporto", que decorreu no Museu Nacional do Desporto, em Lisboa.

No evento estiveram presentes vários embaixadores para a ética no desporto como Jorge Machado (ex-judoca), Nuno Delgado (ex-judoca), João Capela (ex-árbitro) e Jorge Pina (atleta paralímpico).

Numa tertúlia com o nome "O papel do embaixador da Ética", os vários embaixadores debateram os problemas do desporto atual. João Capela falou da importância do 'cartão branco'.

"Eu estou muito otimista que os cartões brancos nas ligas profissionais vão ser uma realidade. Não é verdade que as coisas correm mal, porque se pensarmos no número de pessoas que num fim-de-semana estão envolvidos no desporto, percebemos que só 2% corre mal."

João Capela lembrou que "o cartão branco serve para valorizar e comunicar, que é muito importante. Temos de criar nos jovens uma escolha, porque eles são muito mobilizados pelo que eles vêm nas redes sociais, que normalmente são conteúdos muito materialistas."

"Se começarmos a fazer filmes em que os jovens vêm que se estiverem do lado da ética vai tudo correr bem, as coisas vão ser diferentes", referiu ainda.

O antigo árbitro salientou ainda que, embora os adeptos pensem que não, "a ética ganha jogos e também ganha campeonatos. Em vez de perguntar a um jovem 'então ganhaste?', os pais deviam perguntar 'então divertiste-te?'. Se isso acontecer, já estamos a ganhar."

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.