O Shanghai SIPG, atual campeão, treinador por Vítor Pereira, perdeu hoje por 2-0 no terreno do Guangzhou Evergrande, em jogo da 28.ª e antepenúltima jornada da Superliga chinesa de futebol, e ficou mais longe do título.

Um ‘bis’ do brasileiro Talisca, antigo jogador do Benfica, aos 44 e aos 90+5, o segundo na conversão de uma grande penalidade, deram a vitória ao Guangzhou Evergrande, que se manteve no topo da classificação, com 66 pontos, mais dois do que o Beijing Guoan, e mais quatro do que o Shanghai SIPG.

A formação comandada por Vítor Pereira, que se sagrou campeã pela primeira vez em 2018, volta a jogar na quarta-feira, no recinto do lanterna-vermelha Beijing Renhe, e termina o campeonato em casa no domingo, dia 01 de dezembro, diante do Shenzhen, penúltimo classificado.

Em 2018, o treinador português quebrou o ciclo de sete títulos consecutivos conquistados pelo Guangzhou Evergrande, atualmente orientado pelo italiano Fabio Cannavaro.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.