A Valve tem planos ambiciosos para a organização do The International, uma das maiores competições mundiais de desportos eletrónicos e com maior prize pool. Só na última edição, o campeonato do mundo de Dota 2 distribuiu 34,3 milhões de dólares, num valor-recorde, 15,6 milhões foi para a equipa vencedora. A Valve quer agora tratar o evento mediático de eSports como os Jogos Olímpicos e solicitou às cidades interessadas em ser anfitriãs que se candidatem através de um documento de proposta, que o Polygon teve acesso.

A empresa refere que se encontra na fase preliminar da seleção da próxima cidade que vai receber o The International, depois de Estocolmo em agosto, evento que arrancou em 2011 em Colónia, na Alemanha, e desde então tornou-se num colosso, batendo recordes anualmente. Segundo a Valve, as visualizações globais já rivalizam com eventos desportivos como o Superbowl, o Open de Golf dos Estados Unidos e até o Eurofestival da canção.

A Valve deixa claro que pretende escolher a melhor arena para o evento, mas igualmente aquela que represente maiores receitas financeiras. Por isso, apesar dos requisitos serem exigentes, a nível de segurança e condições gerais, também traça uma lista de benefícios para as cidades que recebem o evento, direto e indiretamente. Um artigo do Vancouver Sun refere que os seis dias de torneio injetou 7,8 milhões de dólares na economia local, destacando os restaurantes, hotéis e outros pontos turísticos.

Do lado da Valve, para a organização do evento, a empresa de Gabe Newell trabalha diretamente com os fornecedores locais para iluminação, equipamento de transmissão, largura de banda de internet e outros elementos essenciais à infraestrutura do torneio. Além disso, todo o catering, a construção dos palcos, as impressões necessárias, a segurança, os serviços de transporte, as decorações, o marketing e entretenimento são requisitados pela empresa organizadora.

A Valve necessita de boas ligações por fibra ótica fornecida por entidades locais de telecomunicações, quartos de hotel para 30 mil pessoas por 10 dias. Por outro lado, obriga a ter autorizações para cortes de trânsito nas imediações e questões de segurança apertadas.

Entre a lista de cidades que já receberam o The International estão Colónia, Seattle e Xangai. Este ano, o evento irá decorrer em Estocolmo, na Suécia.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.