No total, 243.563.950 casos de infeção foram oficialmente diagnosticados desde o início da pandemia.

Estes valores têm como base os balanços comunicados diariamente pelas autoridades sanitárias de cada país mas excluem as revisões realizadas por alguns organismos responsáveis por estatísticas.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima, tendo em conta a mortalidade direta e indireta relacionada com o covid-19, que o balanço da pandemia pode ser duas ou três vezes superior ao que é oficialmente recenseado.

Uma grande parte dos casos menos graves ou assintomáticos continuam por detetar apesar da intensificação dos processos de despistagem adotados em vários países.

Nas últimas 24 horas registaram-se mais 4.901 mortes e 316.448 novos casos de covid-19 em todo o mundo.

Os países que registaram o maior número de mortes nos seus levantamentos mais recentes são a Rússia com 1.069 novas mortes, Índia (443) e Roménia (389).

Os Estados Unidos são o país mais afetado em termos de mortes e casos, com 735.941 mortes para 45.444.413 casos, de acordo com o levantamento realizado pela Universidade Johns Hopkins.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são o Brasil com 605.644 mortes e 21.729.763 casos, a Índia com 454.712 mortes (34.189.774 casos), o México com 286.346 mortes (3.783.327 casos) e a Rússia com 231.669 mortos (8.279.573 casos).

Entre os países mais atingidos, o Peru é o que apresenta o maior número de mortes em relação à sua população, com 607 mortes por 100.000 habitantes, seguido pela Bósnia-Herzegovina (345), Macedónia do Norte (338), Bulgária (331), Montenegro (329) e Hungria (316).

A América Latina e Caraíbas totalizaram até hoje 1.515.097 mortes por 45.736.204 casos, a Europa 1.376.048 mortes (72.640.823 casos), a Ásia 863.601 mortes (55.503.136 casos), os Estados Unidos e Canadá 764.688 mortes (47.141.870 casos), a África 216.937 mortes (8.469.559 casos), o Médio Oriente 206.708 mortes (13.829.789 casos) e a Oceania 2.667 mortes (242.573 casos).

Esta contagem foi realizada com base em dados recolhidos pelas delegações da France Presse junto de autoridades nacionais de cada país e informações da OMS.

Devido a correções ou publicação tardias dos dados, os números do aumento em 24 horas podem não corresponder exatamente aos publicados no dia anterior.

CSR // ANP

Lusa/Fim

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.