A portuguesa Catarina Costa conquistou hoje a medalha de prata em -48 kg do Grande Prémio de Agadir de judo, ao perder na final com a russa Irina Dolgova, enquanto Gonçalo Mansinho arrecadou o bronze em -66 kg.

Catarina Costa, de 21 anos, foi derrotada por 'waza-ari', numa final totalmente controlada pela vice-campeã europeia, quinta do 'ranking' mundial e mais cotada judoca da categoria no torneio marroquino. Nas meias-finais, a portuguesa tinha batido a alemã Katharina Menz também por 'waza-ari'.

A judoca lusa, 102.ª do 'ranking' mundial, começou por bater Aziza Nazarova do Turquemenistão, e a belga Anne Sophie Jura, ambas por 'ippon', antes de se impor nos quartos de final à israelita Shira Rishony, desqualificada por acumulação de penalizações.

No mesma categoria, Lorrayna Costa foi eliminada no seu primeiro combate, ao perder por 'waza-ari' no 'ponto de ouro' com a israelita Noa Minsker.

Em -60 kg, Gonçalo Mansinho ganhou a medalha de bronze, depois de vencer por ‘ippon’ o alemão Moritz Plafky, um dos derrotados nas meias-finais.

Na sua caminhada, Mansinho, 62.º da classificação mundial bateu o canadiano Alexandre Dibartolo, por ‘ippon’, e o australiano Joshua Katz, port ‘waza-ari’, no ‘ponto de ouro’, antes de ser derrotado pela mesma margem, nos quartos de final, pelo marroquino Yassine Moudatir.

Na repescagem venceu outro judoca da casa, Mohamed Jafy, que foi desqualificado por penalizações e acedeu assim ao combate pela medalha de bronze.

Sergiu Oleinic, o último português hoje em ação, terminou em quinto na categoria de -66 kg, após perder o combate pela medalha de bronze com o francês Jean Daniel, por ‘waza-ari’.

No seu percurso, Oleinic, 17.º do ‘ranking’, ficou isento da ronda inicial e venceu no seu primeiro combate o alemão Manuel Scheibel, por ‘waza-ari’, impondo-se nos quartos de final ao belga Kenneth van Gansbeke, por ‘ippon’.

Nas meias-finais, o judoca olímpico português, de 32 anos, foi batido pelo cazaque Yerlan Serikzhanov, por ‘ippon’, e dessa forma relegado para o combate pelo bronze.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.