O velocista português Ricardo dos Santos, recordista nacional dos 400 metros planos em atletismo, não foi além do 7.º lugar na sua eliminatória da prova em Tóquio2020.

Com o tempo de 46,83 segundos, o atleta do Benfica, que é treinado por Lindford Christie, fica afastado da competição, falhando o acesso às meias-finais.

Ricardo dos Santos, que fixou o recorde nacional da especialidade em 45,14 segundos em Berlim, em agosto de 2018, mas que em 2021 ainda não tinha feito melhor do que 47,32, havia assegurado a sua estreia olímpica ao ser ‘repescado’, com a 48.ª e última vaga na distância.

Superou o seu melhor registo da época nesta presença dos Jogos, mas fica longe do apuramento para a próxima ronda, ao terminar no penúltimo lugar da sua série.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto