“Todos os membros da equipa australiana de atletismo estão a ser testados, de acordo com os protocolos da equipa olímpica australiana”, refere em comunicado o organismo, acrescentando que “os atletas estão isolados nos seus quartos”.

De acordo com a comunicação social australiana, que aponta para 63 atletas em isolamento, embora este número não tenha sido confirmado oficialmente, os responsáveis australianos temem que vários elementos possam ter contactado com Sam Kendricks.

De acordo com os media, o saltador australiano Kurtis Marschall foi confirmado como um contacto próximo, uma vez que nos último dias treinou juntamente com o norte-americano.

Sam Kendricks, bicampeão mundial de salto com vara (2017 e 2019), foi forçado a desistir dos Jogos, após ter testado positivo ao novo coronavírus, informou o comité olímpico dos Estados Unidos, algumas horas antes do comunicado australiano.

Sam Kendricks, de 28 anos, era apontado como um dos favoritos à conquista da medalha de ouro no concurso de salto com vara, juntamente com o sueco Armand Duplantis, recordista mundial da disciplina.

“Estamos tristes por confirmar que Sam Kendricks testou positivo para a covid-19 e não poderá competir nos Jogos”, escreveu o comité olímpico dos EUA na rede social Twitter, dois dias antes da qualificação para o salto com vara, marcada para sábado.

O saltador norte-americano, medalha de bronze no Rio2016, foi colocado em isolamento num hotel, refere ainda o comité olímpico norte-americano.

As provas de atletismo têm início na sexta-feira e prolongam-se até 08 de agosto, último dia de Tóquio2020, adiado para este ano devido à pandemia de covid-19.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.