Benfica e SC Braga medem forças este domingo numa inédita final da Taça de Portugal que está marcada para este domingo (20h30), em Coimbra.

Os bracarenses tentam obter a sua terceira vitória na história na competição, depois do triunfo frente ao FC Porto em 2015/16, após um 2-2 no final do prolongamento. Já o Benfica é a formação que mais Taças de Portugal tem no seu palmarés, cerca de 26: A última das quais conquistada em 2016/17 frente ao V. Guimarães: Triunfo por 2-1.

Jorge Jesus vai mesmo apostar em três centrais, com Morato a ser a grande novidade no onze, juntando-se a Jan Vertonghen (recuperou dos problemas físicos) e Otamendi.

De resto, não há alterações em relação ao encontro da 33.ª jornada da I Liga de futebol, o 4-3 ao Sporting, em 15 de maio – no jogo seguinte, foram poupados vários jogadores.

O Benfica vai, assim, alinhar com Helton Leite na baliza, três centrais (Morato, Otamendi e Vertonghen), os laterais Diogo Gonçalves e Grimaldo, dois médios centrais (Weigl e Taarabt) e um trio na frente, composto por Pizzi, Everton e Seferovic.

No banco, ao lado de Jesus, ficam Vlachodimos, Jardel, Nuno Tavares, Gabriel, Chiquinho, Rafa e Darwin Núñez.

Por seu lado, o Sporting de Braga apresenta como novidade no ‘onze’ a presença do médio Lucas Piazon, que substituiu Fransérgio, ausente dos 18 eleitos para o encontro.

De resto, e também em relação à penúltima ronda do campeonato (2-1 ao Moreirense, em 14 de maio), Carlos Carvalhal não procedeu a mais nenhuma alteração, sendo que o ex-benfiquista Gaitán nem no banco ‘encontrou’ lugar.

Os ‘arsenalistas’ começam com Esgaio, Tormena, Raúl Silva e Sequeira, à frente de Matheus, dois médios mais defensivos (Castro e Al Musrati), Ricardo Horta e Galeno nas alas e Piazon nas costas do ponta de lança Abel Ruiz.

Para o banco, foram eleitos Tiago Sá, Bruno Rodrigues, Borja, André Horta, João Novais, Rui Fonte e Sporar.

Onze do SC Braga: Matheus; Tormena, Raul Silva e Sequeira; Esgaio, Al Musrati, Castro e Galeno; Piazon, Abel Ruiz e Ricardo Horta.

Suplentes do SC Braga: Tiago Sá, João Novais, André Horta, Rui Fonte, Sporar, Borja e Bruno Rodrigues.

Onze do Benfica: Helton Leite, Otamendi, Vertonghen e Morato; Diogo Gonçalves, Weigl, Taarabt e Grimaldo; Pizzi, Seferovic e Everton.

Suplentes do Benfica: Vlachodimos, Gabriel, Darwin, Chiquinho, Rafa, Jardel e Nuno Tavares.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.