A Oliveirense não vai renovar o contrato do treinador Raúl Oliveira, que termina este mês, assim como os adjuntos Wilian da Silva e Bruno Sousa, anunciou na quinta-feira o emblema despromovido da II Liga portuguesa de futebol.

Em comunicado, o clube enalteceu o "empenho e dedicação que o treinador demonstrou pelo projeto" e desejou as "maiores felicidades para a sua carreira futura, estando certo que a mesma será recheada dos maiores êxitos pessoais e profissionais", endereçando o mesmo agradecimento aos adjuntos.

Em novembro de 2020, o emblema aveirense rescindiu com o técnico Pedro Miguel depois cinco épocas consecutivas - 13 no total - ao 'leme' da Oliveirense, na altura no 13.º lugar da tabela e após três derrotas consecutivas, na nona jornada do campeonato.

No dia seguinte, Raúl Oliveira foi anunciado pela Sociedade Anónima Desportiva (SAD) da Oliveirense, naquela que foi a sua primeira experiência como treinador de uma equipa principal, tendo somado cinco vitórias em 26 jogos.

Na última jornada do campeonato, a Oliveirense deslocou-se ao terreno do Varzim, precisando apenas de um empate para garantir a manutenção, mas um golo de Irobiso salvou o conjunto poveiro e condenou os oliveirenses à descida de divisão, depois de quatro épocas no segundo escalão de futebol português.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.