Rui Costa reconheceu a época abaixo das expectativas do Benfica, que termina sem qualquer título conquistado, garantindo que irá sempre dar a cara pelo clube.

"Nesta temporada, se na Liga dos Campeões fizemos uma caminhada que, dadas as circunstâncias, nos orgulha, eliminando Spartak Moscovo, PSV, Barcelona, Dínamo Kiev e Ajax, quebrando apenas com o Liverpool, pese embora o extraordinário empate a três alcançado em Inglaterra, o certo é que nas competições nacionais estivemos longe daquilo que pretendemos", começou por dizer o presidente dos 'encarnados', durante o discurso no evento Corporate, que se realizou no Seixal.

"Assumo-o sem qualquer tipo de rodeios porque é essa a minha forma de estar. Assumo as minhas responsabilidades por esta época e assumirei sempre, sem hesitar, tudo o que precisar de assumir. Não me escondo, não me esconderei nunca, atrás de ninguém nem de nada", garantiu.

Ainda assim, Rui Costa mostrou confiança para o futuro. "Quando fui eleito em outubro, tinha perfeita noção do imenso trabalho que tinha pela frente, para voltarmos a ser esse Benfica que desejamos, e que não duvido iremos alcançar. Faremos tudo o que nos compete para lá chegar. Nós, dirigentes, técnicos, jogadores e adeptos do Benfica, faremos a nossa parte. E apenas exigimos que todos os intervenientes neste maravilhoso desporto, todos sem exceção, cumpram com seriedade as suas funções e responsabilidades", vincou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.