Na conferência de imprensa que se seguiu à derrota do Sporting frente ao Benfica, Rúben Amorim, treinador do Sporting, revelou o conteúdo da conversa que teve com Jorge Jesus, treinador do Benfica, no túnel da Luz, antes do início do encontro.

"Deu-me os parabéns pessoalmente. Disse-me que estava à minha espera para me dar os parabéns pessoalmente e eu desejei boa sorte para a Taça", explicou o técnico leonino.

Nesse 'encontro' no túnel, Jorge Jesus mostrou três dedos em riste para as câmaras, talvez em alusão ao número de campeonatos que já conquistou. Amorim diz que não prestou atenção.

"Não reparei. Estava a brincar com o Paulinho [técnico de equipamentos], porque ele gosta muito do míster Jesus. Estou ali a cumprimentar as pessoas, mas a verdade é que estou a pensar no jogo. Não percebi bem o que é que o míster Jesus disse. Cumprimentámo-nos, ele deu-me os parabéns, desejei-lhe felicidades para a Taça e nada mais que isso", reforçou o treinador dos leões.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.