O Vitória de Guimarães atravessa uma série menos positiva de resultados, tendo somado duas derrotas nos dois últimos jogos, mas Pepa está seguro no comando técnico dos vimaranenses pelo menos até às eleições de 5 de março.

Quem o garantiu, na noite de segunda-feira, foi o atual presidente do clube, Miguel Pinto Lisboa, também ele candidato ao próximo sufrágio.

"Acreditamos também na capacidade técnica da equipa técnica e não é solução quando temos percalços, mudar. Muitas vezes muda-se demasiado e as coisas não se sedimentam", afirmou Miguel Pinto Lisboa durante uma ação de campanha.

"Estamos de acordo que temos um grupo que, obviamente com as lacunas que sempre teremos de ter, tem qualidade. Já o demonstrou em vários jogos. Se nunca tivesse mostrado, podia ser mais fácil a solução, porque eram eles o problema. Não há falta de profissionalismo, mas há algo que não está a funcionar e que faz com que em certos jogos mostrem a qualidade e noutros, teoricamente mais fáceis, fiquem muito aquém do que é desejável a um profissional do Vitória. Alguns dos jogadores poderão ter mais dificuldades e estarem mais atrasados no seu envolvimento no Vitória, mas temos qualidade", sublinhou.

O Vitória de Guimarães ocupa atualmente o sexto lugar da tabela classificativa da I Liga, com 30 pontos, mas nas últimas quatro jornadas somou três derrotas e apenas uma vitória e já se encontra a dez pontos do Gil Vicente, quinto classificado.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.