Vivem-se tempos contraditórios no reino da águia: o apuramento na quarta-feira para a fase seguinte da Liga dos Campeões – com vitória em casa frente ao Dínamo Kiev (2-0), aliada à derrota do Barcelona em Munique (3-0) -, não diminui a contestação a Jorge Jesus.

A última jornada, e a derrota com o Sporting, deixou as águias a quatro pontos dos rivais, num mês em que têm duas visitas ao Estádio do Dragão, para a Taça de Portugal (23 de dezembro) e para a I Liga (30 de dezembro).

Mas antes, e já no domingo, o Benfica visita o Famalicão (14.º), num momento em que a equipa de Ivo Vieira voltou a perder terreno, com duas derrotas consecutivas (com Portimonense e Gil Vicente), depois de ter tido os primeiros triunfos.

O Benfica só perdeu um dos seis últimos jogos e ainda não perdeu fora de casa nesta edição da I Liga. A formação lisboeta não perde fora há 16 jogos.

Guia de Forma

O Benfica chega à 14.ª jornada com 26 jogos disputados na temporada 2021/2022: 13 no campeonato, dois na Taça de Portugal, um na Taça da Liga, seis na Liga dos Campeões e quatro na qualificação para essa mesma prova. Está, neste momento, a sete pontos do Sporting (tem mais um jogo) e a quatro do FC Porto, que hoje recebe o SC Braga.

Os encarnados somam até então 15 vitórias, cinco empates e quatro derrotas. Se olharmos apenas para a I Liga, o Benfica tem dez vitórias, um empate (Estoril Praia à 10ª jornada) e duas derrota (Portimonense na 8ª jornada e Sporting na 13.ª).

No último encontro para a I Liga, o Sporting foi até ao Estádio da Luz bater o Benfica por 3-1 no dérbi lisboeta. Sarabia, Paulinho e Matheus Nunes deram expressão a grande exibição dos campeões nacionais em casa do rival. Pizzi descontou para os encarnados já para lá da hora.

Quanto ao mais recente encontro disputado pelo emblema da Luz, na Liga dos Campeões, o Benfica venceu com tranquilidade o Dínamo de Kiev por 2-0, e face à derrota do Barcelona frente ao Bayern (3-0), seguiu para os oitavos de final da Champions.

Já o Famalicão não marcou nas duas últimas jornadas, tendo sofrido sete golos. Aliás, a equipa minhota, atual 14.ª classificada, é a única equipa que ainda não ganhou em casa nesta edição da I Liga. A formação comandada por Ivo Vieira tem, a par do Portimonense, o pior ataque a jogar em casa.

Histórico de confrontos

Este é o 21.º jogo entre Benfica e Famalicão, com forte vantagem para os encarnados, que somam 16 vitórias. Os famalicenses venceram apenas uma vez.

Dez jogos, seis vitórias, três empates e uma derrota: É este o registo do Benfica em casa frente ao Famalicão em todas as competições.

Para a I Liga foram 16 os jogos entre as duas equipas. O Benfica soma 13 triunfos, enquanto o Famalicão ganhou por uma vez. A única vitória do emblema de Famalicão sobre o encarnados no campeonato foi em 1992-93, quando venceu em casa por 1-0.

No último encontro entre as duas equipas, a 08 de fevereiro deste ano, a contar para a 18.ª jornada da I Liga, o Benfica venceu em casa por 2-0, com golos de Darwin e Otamendi, em jogo disputado no Estádio da Luz.

O Benfica venceu seis dos sete últimos jogos realizados frente ao Famalicão, enquanto este marcou nas cinco últimas receções ao Benfica.

Ivo Vieira perdeu os quatro jogos que realizou em casa frente ao Benfica. O treinador do Famalicão e Jorge Jesus já se defrontaram por cinco vezes, com uma vitória do treinador dos minhotos e quatro triunfos do técnico dos encarnados

O que dizem os treinadores

Ivo Vieira

O treinador do Famalicão, Ivo Vieira, disse hoje acreditar que a sua equipa “pode fazer mais” e lutar pelos três pontos. A formação minhota não vence para o campeonato há duas jornadas consecutivas, após os desaires com Portimonense e Gil Vicente, nos quais sofreu sete golos e não marcou nenhum, mas o técnico está convicto que este duelo com as ‘águias’ pode ser “o ponto de viragem”.

Jorge Jesus

Sobre o encontro com o Famalicão, Jorge Jesus lembrou que se trata de um adversário que “tem uma qualidade de jogo que não condiz com a classificação que ocupa”, o 14.º lugar, e assumiu que o Benfica vai “passar por momentos difíceis”, mas reiterou a confiança na conquista dos três pontos.

“Vai ser um jogo bem disputado. O Benfica quer continuar a ganhar, trabalhámos dentro do possível para preparar este jogo da melhor maneira e vamos muito confiantes para o jogo, com a intenção de que temos de trazer de lá os três pontos”, assinalou.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.