O Chelsea apurou-se hoje para as meias-finais da Liga dos Campeões femininos de futebol, com nova vitória diante do Wolfsburgo, desta vez por 3-0 e com a equipa alemã na condição de anfitriã.

Em Budapeste, campo neutro face às restrições impostas pela pandemia da covid-19, o Chelsea, que eliminou o Benfica nos 16 avos de final, venceu com golos de Pernille Harder (27 minutos), de grande penalidade, Sam Kerr (31) e Fran Kirby (81).

Na primeira mão, também em Budapeste, as inglesas já tinham vencido o Wolfsburgo, equipa vice-campeã europeia, por 2-1.

Nos outros jogos dos quartos de final, o FC Barcelona recebe ainda hoje o Manchester City, com uma vantagem de 3-0, a mesma com que o Bayern Munique recebe na quinta-feira o Rosengard, enquanto Lyon e Paris Saint Germain apenas se defrontam em 18 de abril.

As pentacampeãs europeias, equipa da portuguesa Jéssica Silva, têm um surto de covid-19 no plantel, o que obrigou ao adiamento do jogo com o PSG, que parte para a segunda mão com uma desvantagem de 1-0.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.