A UEFA está a estudar a possibilidade de aumentar o número de jogadores à disposição dos selecionadores nacionais no Europeu do próximo verão.

O 'Daily Telegraph' adianta que a organização que comanda o futebol europeu iniciou conversações para que o número de jogadores presentes na convocatória final para o Europeu de 2020 (em 2021), de forma a impedir que um eventual surto de COVID-19 numa seleção possa tira-la da competição.

A publicação inglesa frisa que além do aumento no número de convocados, a decisão pode passar ainda por ter uma lista de reservas, prontos a entrar nos trabalhos das seleções caso seja necessário.

A hipótese foi também abordada por Roberto Martinez, selecionador belga. O técnico espera que a UEFA tome as medidas necessárias e adapte as regras das convocatórias.

"Eu espero, tendo em conta a pandemia, que as regras possam ser adaptadas e que possamos ter 26 ou mesmo 27 jogadores connosco. Já começaram a discutir com os treinadores e espero que aumentem esse número ainda mais. É uma mudança necessária que deve acompanhar as cinco substituições", disse, ao portal belga 'La Derniere Heure'.

De recordar que a UEFA confirmou esta quarta-feira a manutenção das cinco substituições para o Europeu, bem como para a fase final da Liga das Nações.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.