Contrariedade na Seleção nacional. A informação foi avançada ao início da manhã pela Federação Portuguesa de Futebol (FPF), em comunicado: João Cancelo testou positivo à COVID-19 num teste rápido de antigénio realizado sábado e vai ser substituído por Diiogo Dalot, que esteve recentemente ao serviço da Seleção nacional de Sub-21. O lateral direito do Manchester City está bem e encontra-se em isolamento, ainda na Hungria.

O resultado do primeiro teste foi, na manhã deste domingo, confirmado por um teste PCR. Seguindo o protocolo do EURO2020, todos os restantes jogadores da Seleção nacional foram realizaram também testes PCR e os resultados foram todos negativos, à exceção de João Cancelo, acrescenta a FPF, que sublinha que o plano de trabalhos continuará a decorrer como previsto.

O jogador está, assim, de fora do Euro2020 e será substituído por Diogo Dalot, jogador que esta temporada esteve emprestado pelo Manchester United ao AC Milan, por quem realizou 33 jogos, marcando dois golos. O jogador de 22 anos, formado no FC Porto, não conta ainda no seu currículo com qualquer internacionalização pela Seleção principal.

Recorde-se que, ainda antes de a Seleção entrar em estágio com vista a este EURO2020, também Gonçalo Guedes testou positivo à COVID-19. O extremo, porém, recuperou e juntou-se aos restantes colegas ainda em Lisboa.

Leia o comunicado da Federação Portuguesa de Futebol

"Diogo Dalot substitui João Cancelo: Plano de trabalho da Seleção Nacional sem alterações

Diogo Dalot, internacional sub-21, vai juntar-se à comitiva da Seleção Nacional que se encontra em Budapeste a preparar a estreia no Euro 2020.

O jogador do AC Milan substituirá João Cancelo, que testou positivo à covid-19 no seguimento de um teste rápido de antigénio realizado este sábado pela Unidade de Saúde e Performance da FPF.

As autoridades de saúde húngaras foram imediatamente informadas e o jogador - que se encontra bem - foi colocado em isolamento.

O resultado do teste realizado pela USP foi confirmado por um teste RT-PCR efetuado a João Cancelo também no sábado e cujo resultado foi conhecido na manhã de domingo.

De acordo com o protocolo covid-19 definido pela UEFA antes dos jogos do EURO 2020, todos os jogadores e elementos da comitiva realizaram testes RT-PCR no sábado. Os resultados, com exceção de João Cancelo, foram negativos.

As autoridades de saúde húngaras tomaram conhecimento do cumprimento dos procedimentos de proteção, integralmente respeitados de acordo com o protocolo UEFA, num grupo que tem, além disso, uma elevada taxa de cobertura por vacina e autorizaram a Seleção Nacional a cumprir o plano estipulado para o Campeonato da Europa sem qualquer alteração."

Acompanhe as notícias e reportagens do Euro 2020 no Especial do SAPO Desporto

 

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.