O Botafogo, do treinador português Luís Castro, está em ‘risco’ na Taça do Brasil de futebol, depois de perder na quinta-feira por 3-0 com o América Mineiro, em jogo da primeira mão dos oitavos de final.

Em Belo Horizonte, a equipa de Luís Castro já perdia ao intervalo, depois de Wellington Paulista, aos sete minutos, e Danilo Avelar, aos 35, terem marcado para o América Mineiro, que viu ainda um lance de golo revertido, por fora de jogo.

Na segunda parte, a equipa da casa ainda chegou ao terceiro golo, apesar da maior posse e iniciativa atacante do ‘Fogão’, com Ale a fazer o 3-0, aos 60 minutos, deixando a equipa do Rio de Janeiro com uma missão muito difícil para a segunda mão, em 14 de julho.

“Acho que estamos de acordo de que precisamos de nos reforçar. Nem que seja com os jogadores que estão de fora por lesão. Hoje, jogámos com a equipa do ano passado, da Série B, com Sampaio e Patrick de Paula”, assinalou no final Luís Castro, num jogo em que teve vários ausentes, por lesão.

A equipa apresentou-se em Belo Horizonte sem os lesionados Erison, Gustavo Sauer, Victor Sá, Barreto, Carlinhos, Rafael, Lucas Fernandes e Piazon, os quatro últimos já em fase final de recuperação.

“Hoje não fomos competitivos, principalmente na primeira parte. O adversário foi muito mais competitivo do que nós”, disse ainda o técnico português.

O Botafogo volta a entrar em campo na segunda-feira à noite, com a visita ao Bragantino, em jogo da 15.ª jornada do campeonato, competição em que é 10.º classificado, com 18 pontos, menos 11 do que o líder Palmeiras, do português Abel Ferreira.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.