O Corinthians empatou 2-2 no terreno do Internacional de Porto Alegre, no sábado, na sexta jornada do campeonato brasileiro de futebol, que lidera, com 13 pontos, mais três do que Santos e Avaí, que têm menos um jogo.

A formação treinada pelo português Vítor Pereira somou a primeira igualdade no Brasileirão, num encontro em que esteve a perder duas vezes, com golos de Alan Patrick, aos 25, e Wanderson, aos 44, conseguindo empatar em ambos os casos, com tentos de Raul Gustavo, aos 30, e Jô, aos 64.

O jogo esteve interrompido durante aproximadamente cinco minutos, aos 75, depois de, numa disputa de bola, o médio Edenilson ter alegado que o defesa português Rafael Ramos lhe dirigiu um insulto racista.

Depois do encontro, nas entrevistas rápidas, o avançado do Corinthians Jô confirmou a acusação, assegurando que o seu companheiro de equipa negou ter utilizado termos racistas.

Com este empate, o Coritinhians permanece provisoriamente isolado na liderança da competição, com 13 pontos, mais três do que o Santos, que no domingo joga no terreno do Goiás, e do que o Avaí, que recebe o Juventude.

Também no domingo, o Botafogo, de Luís Castro, que segue no nono lugar, com oito pontos, recebe o Fortaleza, tentando ultrapassar o Palmeiras, de Abel Ferreira, que no sábado venceu o Bragantino, por 2-0, e chegou ao quinto lugar, com nove.

No Allianz Parque, em São Paulo, o ‘verdão’ abriu o ativo à passagem do minuto 30, quando o médio Danilo, assistido por Gustavo Scarpa, bateu o guarda-redes Cleiton, que voltaria a sofrer novo golo, mas já nos descontos do segundo tempo, na sequência de uma grande penalidade cobrada com eficácia por Rafael Veiga (90+9).

Mais abaixo segue o Flamengo, de Paulo Sousa, no 14.º posto, com seis, depois de ter somado o quarto jogo sem vencer.

Em Fortaleza, o Flamengo até se colocou no comando do desafio, através de Willian Arão (sete), mas o Ceará respondeu por Mendonza (26), antes de Arão bisar, aos 38, para voltar a colocar o conjunto do Rio de Janeiro em vantagem ao intervalo. Quando o triunfo parecia ser o desfecho mais certo, Nino Paraiba (90+1) fixou o resultado em 2-2.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.