Tiago Pinto voltou a testar positivo à COVID-19, no mesmo dia em que iniciou funções como diretor geral da Roma.

Segundo a agência de notícias ANSA, o antigo dirigente do Benfica fez dois testes na manhã desta terça-feira: um rápido, que deu negativo, e um molecular, que deu positivo, ainda que a carga viral indicada tenha sido baixa.

Paulo Fonseca, que esteve em contacto com Tiago Pinto, também realizou um teste cujo resultado deu negativo.

Tiago Pinto, recorde-se, já tinha estado infetado com o novo coronavírus em dezembro, antes da Supertaça. Teve, porém, um resultado negativo antes de viajar para Itália.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.