A Mercedes estará a ponderar não recorrer aos tribunais desportivos, depois de ter visto os comissários de corrida declinarem os seus dois apelos sobre a forma como Max Verstappen venceu o Grande Prémio de Abu Dhabi e, consequentemente, o Mundial de Fórmula 1.

O prazo para avançar com esse recurso termina quinta-feira mas, de acordo com o jornal espanhol 'Marca', os patrões da escuderia germânica não estarão inclinados a entrar numa batalha legal em torno deste assunto.

Segundo aquela publicação, a Mercedes considera, por um lado, que tem poucas possibilidades de ter uma decisão favorável nesses recursos e, por outro, que a apresentação de um recurso nos tribunais iria prejudicar a imagem da marca.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.