A Supertaça José Manuel Amaro foi equilibrada e durou quase três horas, tendo a equipa ‘leonina’, que começou com uma derrota, sentido algumas dificuldades perante a equipa da ilha do Pico.

O brasileiro Thiago Monteiro (84.º do ‘ranking’ mundial), contratado este ano pelo Sporting para substituir Aruna Quadri, perdeu o primeiro jogo, perante Énio Mendes, por 3-2 (11-5, 10-12, 11-6, 8-11 e 9-11), durante o qual esteve por duas vezes em vantagem.

Diogo Carvalho (181.º do ‘ranking’) venceu Diogo Silva, por 3–1 (11-4, 11-3, 7-11 e 11-7) e empatou a partida (1-1) e Bode Abiodun (148.º) derrotou João Seduvem, por 3–1 (7-11, 11-8, 11-7, 11-6) e colocou o Sporting em vantagem (2-1).

A Supertaça foi decidida no encontro entre Thiago Monteiro e Diogo Silva, em que foram precisos cinco ‘sets’ para o Sporting vencer por 3-2 (11-7, 9-11, 9-11, 13-11 e 12-10) e conquistar mais um troféu para o seu historial.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.