A seleção portuguesa feminina de ténis de mesa venceu hoje a Suécia, no segundo jogo do grupo 6, e vai discutir o apuramento para os oitavos de final do Campeonato do Mundo de equipas com a Roménia, na segunda-feira.

Na jornada de hoje dos Mundiais, a decorrer em Chengdu, China, a grande figura da seleção nacional, que se impôs à congénere sueca por 3-2, foi Fu Yu, que garantiu duas vitórias frente a Linda Bergstrom (51.ª) e Matilda Hansson (304.ª).

A 17.ª jogadora do ranking mundial impôs-se facilmente a Hansson por 3-0 (11-3, 11-5, 11-4), e imperou no embate com Bergstrom na ‘negra’ (7-11, 11-7, 11-8, 11-13, 11-9).

Shao Jieni (53.ª da hierarquia) conquistou o terceiro triunfo, perante Matilda Hansson, por 3-0 (11-3, 11-6, 11-7), depois de ter sido derrotada por Linda Bergstrom, por triplo 11-6.

A jovem Inês Matos, 289.ª jogadora mundial, perdeu frente a Filippa Bergand (220.ª), por 3-1, com os parciais de 11-9, 9-11, 11-4 e 11-9.

Portugal (25.ª seleção mundial), que tinha perdido na primeira ronda com China-Taipé por 3-0, vai agora lutar na segunda-feira pela qualificação para os ‘oitavos’ frente à Roménia, sexta do ranking e vice-campeã da Europa em 2021 e campeã europeia em 2019 e 2017.

A equipa romena venceu a Suécia por 3-2 e perdeu com a China-Taipé por 3-1.

Apuram-se para os oitavos de final do Mundial as duas primeiras equipas de cada grupo e as quatro seleções com maior pontuação que terminarem no terceiro lugar, sendo que há quatro grupos com cinco equipas e dois grupos com quatro, que é o caso de Portugal.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.