Vários atletas brasileiros de canoagem slalom, BMX e esgrima vão viajar para Portugal em estágio para os Jogos Olímpicos de Tóquio2020, aumentando para 100 o número de participantes na Missão Europa, anunciou o Comité Olímpico do Brasil.

"Setembro será um mês de grandes novidades na Missão Europa, projeto organizado pelo Comité Olímpico do Brasil (COB) que possibilita aos atletas a retomada de seus treinamentos de alto nível visando os Jogos Olímpicos de Tóquio. Pelo menos três novas modalidades vão desembarcar em Portugal nas próximas semanas: canoagem slalom, ciclismo BMX e esgrima", revelou o organismo no seu 'site'.

Com as três novas modalidades já confirmadas, o COB terá 100 atletas na Missão Europa em setembro, um projeto criado em virtude da pandemia de covid-19, com os atletas da canoagem slalom e da esgrima direcionados para Rio Maior, e os da BMX para Sangalhos, avançou à Lusa fonte da entidade.

Rio Maior tem recebido atletas brasileiros de natação, atletismo e triatlo, e tem sido o ponto central da Missão Europa, que vai decorrer entre julho e dezembro e se estende também a Coimbra, no caso do judo, Cascais, no caso da vela, Sangalhos, para a ginastica artística e rítmica, e Vila Nova de Gaia, para o ténis de mesa.

Até ao momento, esta ação já contou com atletas de 10 modalidades presentes em Portugal para preparar os Jogos Olímpicos Tóquio2020, que foram adiados para 2021, e vai ser reforçada.

De acordo com o COB, são esperados mais de 200 atletas de 17 modalidades até ao fim do ano.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.