Seis atletas russos foram autorizados pelo Comité de Revisão de Doping da IAAF/World Athletics a competir nos Campeonatos da Europa de corta-mato, que se disputam em Lisboa, em 08 de dezembro.

Os seis fundistas terão de correr como 'atletas neutrais', uma situação excecional que se aplica caso a caso aos russos enquanto a Federação Russa de Atletismo estiver suspensa pela associação internacional da modalidade (World Athletics).

O Comité de Revisão de Doping tem vindo a declarar elegíveis para competição vários atletas, os últimos dos quais são os sub-20 Ekaterina Domnina, Ksenia Kuznetsovan, Artem Popov e Irina Shipitsyna e ainda Lilya Mendaeva e Ildar Nadyrov, nas corridas principais.

Até agora, 135 atletas russos já foram considerados elegíveis para competições internacionais em 2019, enquanto que 58 pedidos foram rejeitados, registando-se também um caso de pedido aceite e mais tarde revogado.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.