A judoca portuguesa Catarina Costa subiu hoje a terceira do ‘ranking’ mundial de -48 kg, depois do segundo lugar dos Europeus de Sófia, enquanto Jorge Fonseca continua a liderar em -100 kg, apesar de ter sido eliminado no primeiro combate.

Com 3.854 pontos, Catarina Costa, da Académica, subiu um lugar na hierarquia liderada pela francesa Shirine Boukli (4.910), que bateu a portuguesa na final do Europeu.

Apesar do terceiro lugar, Catarina Costa é, na prática, a segunda na sua categoria, uma vez que a kosovar Distria Krasniqi (4.670) já subiu para os -52 kg.

Já Jorge Fonseca, bicampeão mundial e medalha de bronze nos Jogos Olímpicos Tóquio2020, continua na liderança nos -100 kg, apesar de ter sido eliminado em Sófia, no primeiro combate, frente ao polaco Piotr Kuczera.

O judoca do Sporting soma 5.660 pontos, enquanto em segundo está o russo Arman Adamian, com 5.215, e em terceiro o canadiano Shady Elnahas, com 4.911.

Já Telma Monteiro, que na capital búlgara também ‘caiu’ no primeiro combate frente alemã Pauline Starke, desceu três posições no ‘ranking’ de -57 kg para sétimo, somando 3.442 pontos, numa lista liderada pela canadiana Jéssica Klimkait, com 5.400.

Quanto a Barbara Timo, que também perdeu no primeiro combate nos Europeus de Sófia, frente à britânica Gemma Howell em -63 kg, continua no 24.º lugar da hierarquia mundial.

A judoca do Benfica teve de começar do início neste peso, pelo qual optou depois de Tóquio2020, descendo dos -70 kg para os -63 kg, e, assim, precisa de pontos que a coloquem na ‘linha da frente’ na categoria.

Quando a Patrícia Sampaio, que terminou os Europeus no quinto lugar, depois de ter ficado impedida de combater pelo bronze devido a uma lesão no ombro na meia-final, subiu um lugar para a 25.ª posição em -78kg.

Entre os outros judocas lusos presentes na competição, Enri Egutidze continua em 62.º em -90 kg e Rodrigo Lopes em 27.º em -60 kg, categoria em que Francisco Mendes subiu 16 lugares, para 75.º da hierarquia, enquanto João Crisóstomo subiu um lugar em -73 kg, para a 216.ª posição.

Em -52 kg, Joana Diogo subiu cinco posições e está no 43.º lugar, com João Fernando a subir três lugares em -81 kg, para 84.º da tabela.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.