A Liga infantil de andebol da Catalunha assistiu este fim-de-semana a um caso insólito no final da partida entre o Bordils e o Martorell.

No final dos encontros da liga infantil, os jogadores do Bordils habitualmente juntam-se para tirar uma 'selfie' para celebrar a vitória, mas esta semana isso não aconteceu.

Em vez da habitual 'selfie', o treinador da equipa Oriol Rigau decidiu juntar os jogadores para tirar uma fotografia com um cartaz que pedia "liberdade para os presos políticos".

A fotografia foi mais tarde partilhada pelo próprio treinador nas redes sociais. "Dada a decisão injusta do ST, hoje não tirámos a selfie tradicional da vitória! Hoje dedicámos a foto da partida a todos os presos políticos e pessoas indevidamente detidas por se manifestarem livremente nas ruas de toda a Catalunha!", pode ler-se na referida publicação.

Recorde-se que a Catalunha tem registado confrontos diários, que já levaram à detenção de cerca de 100 pessoas e provocados vários feridos, na sequência da decisão judicial de prisão efetiva de alguns políticos independentistas da região.

Na passada segunda-feira, o Supremo Tribunal ordenou a detenção efetiva de vários dirigentes políticos independentistas, com penas que vão até 13 anos de prisão.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.