O novo treinador do Tondela, Tozé Marreco, disse hoje que o atual plantel tem jogadores para fazerem “um bom futebol” e o objetivo desta época, no regresso à II Liga, é colocar o clube no “caminho certo”.

“Venho ajudar o clube neste momento decisivo da sua história. [...] Daí um ano muito duro, ninguém tinha saudades da II Liga, mas toda a gente a conhece e sabe o que é necessário, portanto, temos de reorganizar e juntar, novamente, toda a gente”, afirma ao clube.

Em entrevista aos meios internos de comunicação do Tondela, Tozé Marreco assume que o objetivo é claro, “ganhar jogo a jogo” para que seja possível “voltar a pôr o Tondela no caminho certo”.

“O ADN da equipa tem de ser a ambição, a vontade, o espírito guerreiro em cada jogo e depois vamos acrescentar o resto: a organização e forma de jogar que quero e temos jogadores para jogar um bom futebol e acredito que vamos encontrar a melhor forma” de o fazer, admitiu.

O novo treinador está no clube pela terceira vez, duas vezes como jogador, sendo que na segunda foi na época em que subiu à I Liga, 2014/15, e agora como líder da equipa técnica onde disse esperar “voltar a ser feliz como na vezes anteriores”.

“Sabemos que nem sempre vamos jogar bem, mas temos de correr até à exaustão. (…) Temos um grupo que a mim me dá confiança e que tenho a certeza que tem qualidade”, referiu, acrescentando que o trabalho passa por “arranjar a melhor forma de os potenciar para ganhar jogos”.

A forma como foi abordado para este desafio, que resulta de “um processo sustentado” na sua carreira enquanto treinador, depois de “três épocas em que as coisas correram bem”, foi “decisiva”, assim como a “confiança que passaram” para o trabalho futuro.

“Tenho a certeza que este é o clube certo para dar continuidade a este processo individual. O processo sustentado da minha carreira, porque não caí aqui de paraquedas”, alerta o técnico, que diz que a sua forma de liderar “é simples”.

Para o treinador, a verdade “tem de ser a base de toda a liderança”, embora, “às vezes não seja boa de ouvir, às vezes, custa”, mas é a partir daí que quer construir “a forma de estar no campeonato”.

“Não tenho um feitio fácil, tenho feitio de quem quer ganhar em cada jogo e de quem vai fazer tudo para isso”, assume o técnico.

Tozé Marreco conta, para esta época, com os guarda-redes Babacar Niasse, Philip Tear e Joel Sousa e, na defesa, Tiago Almeida, Naoufel Khacef, Jota, Ricardo Alves, Marcelo Alves, Manu Hernando e Rafael Alcobia.

No meio campo estão Pedro Augusto, Telmo Arcanjo, Iker Undabarrena e Rafael Barbosa e, nos avançados, Juan Boselli, Daniel dos Anjos, Ruben Fonseca e Tomislav Strkalj.

Com o regresso ao trabalho marcado para dia 27 de junho, a formação do Tondela vai dedicar os primeiros dois dias aos exames médicos e, no dia 29, faz o treino de estreia da temporada 2022/23.

Até ao início da época, o Tondela tem também já vários jogos de preparação agendados, com o primeiro a ser disputado frente aos juniores do clube, no dia 05 de julho, e depois seguem-se o Rio Ave, a equipa B do Vitória de Guimarães, o Santa Clara e, no dia 22, o Gil Vicente.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.