Atual treinador do Marselha, André Villas-Boas, questionado numa conferência de imprensa sobre a forma como escolhia os onzes iniciais para os diferentes jogos da sua equipa, usou como exemplo o plantel que teve à disposição no FC Porto, recordando a época de 2010/11, em que entre outros troféus chegou mesmo a conquistar a Liga Europa.

"No FC Porto, quando estávamos a preparar-nos, até os jogadores adivinhavam qual a equipa que ia jogar. Mas o que é certo é que essa equipa era pornográfica. Tinha Hulk, Falcao, James, Moutinho, Fernando, Otamendi...", recordou Villas-Boas.

"Foi uma das melhores equipas do mundo. Quando olhamos para a carreira que esses jogadores fizeram, é incrível", acrescentou o técnico.

Depois, explicou de que forma os seus métodos se foram alterando ao longo dos anos.

"Mudei com o tempo. Há treinadores que dão a equipa no balneário, mas, agora, nós damos antes. Normalmente, só mesmo no dia do jogo, durante a reunião da tarde. Só que muitas vezes nas redes sociais revelam a minha equipa antes de eu o fazer. É algo que tem acontecido aqui em França. Acho que é uma questão cultural", explicou.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.