O Sporting saiu de Tondela com uma derrota por 1-0, em partida a contar para a 10.ª jornada da I Liga. O único golo da partida surgiu ao minuto 88´.

Para a deslocação a Tondela, o Sporting procurava dar seguimento ao ciclo positivo sob o comando de Silas, após três vitórias consecutivas. Pela frente tinham o 8.º classificado da I Liga, que vendeu cara a derrota frente ao Benfica (0-1). Ainda assim, a equipa orientada por Natxo González ainda não tinha somado três pontos em casa.

Veja o resumo da partida

No que diz respeito a alterações, Ilori rendeu Mathieu no centro da defesa, Miguel Luís foi opção para o meio campo.

Logo desde o início, a equipa lisboeta demonstrou uma atitude competitiva muito forte, e um claro comprometimento na tentativa de criar dificuldades ao adversário.

Sem espaço para respirar, o Tondela não conseguia ligar o seu jogo face à pressão leonina.

Num 4-4-2, os verdes e brancos, embora estancando quaisquer tentativas do Tondela em responder ofensivamente, no ataque não conseguiam fazer fluir o seu jogo entrelinhas.

A primeira oportunidade dos verdes e brancos surgiu através de lance construído pelas laterais. Depois de uma solicitação de Stefan Ristovski, Miguel Luís (32´) em excelente posição rematou por cima da baliza.

A oportunidade perdida deu ânimo aos comandados de Silas, que criaram algumas situações até ao final da primeira parte. Primeiro foi Bolasie a cabecear ligeiramente por cima depois de uma solicitação de Acuña. Depois, Miguel Luís voltou a tentar a sorte, mas o remate saiu ligeiramente ao lado.

No segundo tempo, a toada manteve-se com um jogo demasiado amarrado para ambos os lados.

Silas resolveu refrescar, tirando Luiz Phellype, Doumbia e lançando Eduardo e Jesé.

Sem referência na frente, com a saída de Luiz Phellype, o Sporting utilizou o recurso à meia distância e à bola parada para tentar desmontar o muro erguido pela equipa da casa.

Bruno Fernandes quase inaugurou o marcador, num pontapé livre, mas valeu Cláudio Ramos a negar com uma grande defesa (57´).

Miguel Luís e Vietto também esboçaram tentativas de tiro certeiro, mas a pontaria não estava com os leões.

Com o Sporting sem inspiração para encontrar o caminho da baliza e como diz a 'velha máxima', quem não marca, sofre, foi o Tondela quem acabou por abrir o ativo.

Depois de um livre de Pepelu, Bruno Wilson apareceu na costas de Ristovski e cabeceou para o fundo da baliza (88´).

Em desespero de causa, o Sporting tentou ir para a frente, para nada conseguiu fazer para evitar a derrota. Final algo ingrato para os leões, que mereciam melhor final de película, pelo que fizeram dentro de jogo. O Tondela também somou a sua primeira vitória no seu estádio nesta temporada.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.