O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, lamentou hoje a morte de Seninho, antigo avançado dos ‘dragões', destacando o seu trajeto "de grande qualidade".

Em conferência de imprensa de antevisão da partida com o Belenenses SAD, o técnico portista lembrou as qualidades do antigo jogador, como profissional e ser humano.

"Lamento a perda de um desportista de eleição, como tem acontecido ao longo da nossa vida. Faz parte da vida, infelizmente é isto. Teve um trajeto de grande qualidade dentro de campo e fora dele. É de lamentar uma perda de uma pessoa como ele”, disse.

O antigo avançado do FC Porto Seninho, campeão pelos ‘dragões' em 1977/78, morreu aos 71 anos, anunciaram hoje os ‘azuis e brancos' em comunicado.

Nascido Arsénio Rodrigues Jardim, em Angola, foi como Seninho que marcou o futebol português ao longo de sete épocas pelos portistas, entre 1969 e 1972 e depois entre 1974 e 1978, com um período pelo meio em que foi campeão pelo FC Moxico, em Angola, quando cumpria o serviço militar.

Fez 150 jogos e 33 golos pelo FC Porto, que ajudou a quebrar um jejum de 19 anos sem ser campeão nacional, além de ter conquistado uma Taça de Portugal (1976/77) e de ter jogado nos norte-americanos do New York Cosmos, ao lado de nomes como Pelé, Cruyff ou Beckenbauer.

Seninho somou também um golo em quatro encontros pela seleção portuguesa de futebol.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.