O FC Porto começou a defesa do título de campeão nacional com uma vitória por 3-1 sobre o SC Braga, a única equipa a ganhar todos os pontos aos 'dragões' na época passada. Aliás o SC Braga foi o único clube nacional a vencer todos os jogos ao FC Porto na época passada (dois na I Liga e um na final da Taça da Liga).

Com esta vitória, Sérgio Conceição tornou-se no treinador mais vitorioso no Estádio do Dragão, casa do FC Porto há 17 anos, depois da demolição do Estádio das Antas. Conceição leva 68 triunfos em jogos oficiais na nova casa dos azuis e brancos, mais um que Jesualdo Ferreira, anterior detentor do recorde, que dirigiu o FC Porto entre 2006 e 2010.

Jesualdo Ferreira precisou de 89 jogos para chegar aos 67 triunfos no Dragão. Conceição chegou às 68 vitórias em apenas 81 jogos (menos oito que o Professor).

Vítor Pereira surge como o terceiro treinador com mais triunfos no Estádio do Dragão (36 vitórias em 42 jogos oficiais, nas duas épocas que orientou o FC Porto). Seguem-se Lopetegui, com 31 vitórias em 39 encontros, e Villas-Boas, com 24 em 29 duelos protagonizados em apenas uma época.

Esta marca de Conceição foi alcançado em apenas três épocas. O técnico pegou no leme da equipa a 03 de julho de 2017 e, de lá para cá, venceu duas Ligas de Portugal e conquistou uma Taça de Portugal e uma Supertaça, além de ter estado em duas finais da Taça da Liga, e outra final da Taça de Portugal.

O futebol pode não entusiasmar todos os adeptos mas Pinto da Costa não abdica do técnico que devolveu a mística ao clube. Logo na primeira época, Conceição foi campeão, impediu o Benfica de chegar ao pentacampeonato (algo que só o FC Porto detém em Portugal) e ainda bateu o recorde de pontos do clube numa edição da Liga: 88. Nessa época de 2017/2018, além de ter sido campeão, o FC Porto acabou com a melhor defesa.

Na época seguinte, o FC Porto viu o rival Benfica vencer a Primeira Liga mas o técnico igualou o recorde de pontos dos dragões na Liga dos Campeões (16), algo que vinha de 1996/97, quando Sérgio Conceição era jogador do clube às ordens de António Oliveira. Ainda assim, na I Liga, deu luta ao rival até a derradeira jornada, e terminou com 85 pontos, a terceira melhor pontuação da história do clube.

Na época 2019/20, igualou Artur Jorge como técnico mais rápido a chegar aos 100 triunfos no banco do FC Porto, após um triunfo sobre o Santa Clara para a Taça de Portugal. Ambos precisaram de 136 jogos para chegar à centena de triunfos.

Mas Conceição não quer ficar por aqui. Agora o técnico vai à procura do registo de Pedroto, algo difícil de alcançar: 214 triunfos em 321 jogos pelo FC Porto, com uma percentagem de sucesso de 66,7 por cento.

Esta época há outros recordes que Conceição poderá bater: ser o treinador com mais jogos ao serviço do FC Porto, marca que está na posse de Jesualdo Ferreira, o homem que comandou os 'dragões' em 185 partidas. Conceição leva 166 jogos como treinador dos 'dragões', pelo que poderá bater o registo de Jesualdo Ferreira se cumprir, no mínimo, mais 20 jogos à frente da equipa.

Nesses 166 jogos, Conceição somou 121 vitórias, ou seja, venceu 73,73 por cento dos encontros. É o terceiro registo de sempre do clube em termos de aproveitamento, apenas atrás de Andre Villas-Boas (84,48%) e Dorival Yustrich (77,19%).

Nesses três anos, Conceição guiou o FC Porto a uns quartos e uns oitavos de final da Liga dos Campeões onde acabou por ser eliminado sempre pelo Liverpool. Na época passada falhou a entrada na fase de grupos, ao ser afastado pelo Krasnodar na 3.ª pré-eliminatória.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.