Ricardo Horta vai avançar com uma queixa junto da FIFA contra o Málaga e o fundo que diz deter parte do seu passe. A notícia foi avançada pelo jornal 'A Bola', na sua edição desta terça-feira.

O jornal escreve que o jogador dos minhotos entende que o emblema espanhol, que já representou, e o fundo estão a impedir a conclusão de um negócio que já está acordado entre o Benfica, o Braga e o jogador.

O fundo que detém parte dos direitos económicos do passe de Ricardo Horta terá também avançado com uma queixa junto da FIFA.

Diz o jornal 'A Bola' que Ricardo Horta está a forçar a sua saída para o Benfica, depois de ter perdido a paciência com a demora na concretização da transferência.

A queixa será um forma de pressionar as partes a chegarem a um acordo, de modo a desbloquear a transferência do internacional português para o clube da Luz. Caso o negócio não se concretize pela intransigência do Málaga e do fundo de investimento, Ricardo Horta e os seus representantes poderão avançar com um pedido de indemnização junto dos dois.

O jornal 'A Bola' adianta que Ricardo Horta já tem tudo acertado com o Benfica. O emblema da Luz também já chegou a acordo com o Sporting de Braga: os minhotos recebem 15 milhões de euros pelo internacional português e ainda o passe do benfiquista Gil Dias.

O negócio ainda não se concretizou porque o Málaga reclama ter direito a 67 por cento da transferência, valor que o SC Braga não reconhece.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.